Get Adobe Flash player

Dicas da Semana

Dicas da Semana

Dicas da Semana (194)

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 13 – SIRVO A UM DEUS DE MILAGRES

 

 

Texto Bíblico: Atos 9.36-42

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus quer que praticamos  a benevolência (Devemos ajudar as pessoas ao nosso redor), sabendo que Ele pode fazer grandes milagres através de nós.

 

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 12 – SIRVO A UM DEUS DE AMOR

 

 

Texto Bíblico: Atos 9.1-19

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus quer que fazemos algo para ajudar a outras pessoas, pois é através de nós que as pessoas podem ser ajudadas.

 

 

Frase do dia...

EU SIRVO A DEUS PORQUE ELE ME AMA

 

 

Memória em ação

“Irmãos, sabemos que Deus os ama e os escolheu para serem Dele..” (1 Ts 1.4 - NTLH)

 

 

Explorando a Bíblia

Os chefes dos judeus perseguiam os cristãos de Jerusalém. Um dos principais perseguidores era um moço chamado Saulo. Um dia Saulo viajou para prender uns crentes em uma cidade chamada Damasco.

 

Em sua viagem a Damasco para procurar e aprisionar cristãos, uma luz brilhante muito forte vinda do céu  o derrubou ao chão.

 

Jesus lhe fala:

— Saulo, Saulo, por que você me persegue?

— Quem é o senhor? perguntou ele.

A voz respondeu:

— Eu sou Jesus, aquele que você persegue. Mas levante-se, entre na cidade, e ali dirão a você o que deve fazer.

 

Os homens que estavam viajando com Saulo ficaram parados sem poder dizer nada. Eles ouviram a voz, mas não viram ninguém. Saulo se levantou do chão e abriu os olhos, mas não podia ver nada. Então eles o pegaram pela mão e o levaram para Damasco.

 

Ele ficou três dias sem poder ver e durante esses dias não comeu nem bebeu nada. Em Damasco morava um seguidor de Jesus chamado Ananias. Ele teve uma visão, e nela apareceu o Senhor, chamando:

 — Ananias! Ele respondeu:

 — Aqui estou, Senhor!

 

E o Senhor lhe disse:

— Apronte-se, e vá até a casa de Judas, na rua Direita, e procure um homem chamado Saulo, da cidade de Tarso. Ele está orando e teve uma visão. Nela apareceu um homem chamado Ananias, que entrou e pôs as mãos sobre ele a fim de que ele pudesse ver de novo.

 

Ananias respondeu:

 — Senhor, muita gente tem me falado a respeito desse homem e de todas as maldades que ele fez em Jerusalém com os que crêem no Senhor. E agora ele veio aqui a Damasco com autorização dos chefes dos sacerdotes para prender todos os que te adoram.

 

Mas o Senhor disse a Ananias:

—Vá, pois eu escolhi esse homem para trabalhar para mim, a fim de que ele anuncie o meu nome aos não-judeus, aos reis e ao povo de Israel. Eu mesmo vou mostrar a Saulo tudo o que ele terá de sofrer por minha causa.

 

Então Ananias foi, entrou na casa de Judas, pôs as mãos sobre Saulo e disse:

 — Saulo, meu irmão, o Senhor que me mandou aqui é o mesmo Jesus que você viu na estrada de Damasco. Ele me mandou para que você veja de novo e fique cheio do Espírito Santo.

 

No mesmo instante umas coisas parecidas com escamas caíram dos olhos de Saulo, e ele pôde ver de novo. Ele se levantou e foi batizado; depois ele comeu alguma coisa e ficou forte como antes.

E começou imediatamente a anunciar Jesus nas sinagogas, dizendo:

— Jesus é o Filho de Deus.

 

 

Ao render-se Saulo inteiramente ao convincente poder do Espírito Santo, viu os erros de sua vida e reconheceu a amplitude dos reclamos da lei de Deus. Aquele que fora um orgulhoso fariseu, confiante na justificação por suas boas obras, curvou-se então perante Deus com a humildade e simplicidade de uma criancinha, confessando sua indignidade e pleiteando os méritos de um Salvador crucificado e ressurgido. Saulo ansiava por entrar em inteira harmonia e comunhão com Deus; e na intensidade de seu desejo de perdão e aceitação, elevou ferventes súplicas ao trono da graça, e assim foi salvo.

 

 Na historia de Saulo temos  uma revelação do amor de Deus. É exatamente isto o que a graça de Deus faz em toda parte: amar os desamoráveis, buscando aqueles que estão correndo em direção ao erro.

Deus nunca deixa de nos amar. 

 

 

Fontes Consultadas:

·         Bíblia NTLH - SBB

·         Curso para Professor de EBD - Faculdade de Teologia e Ciências Humanas IBETEL – Pr. Vicente de Paula Leite

·         53 Histórias de Jesus – Geográfica Editora

·         Bíblia de Recursos para o Ministério com Crianças – Editora HAGNOS/APEC – Edição 2003

·         Bíblia Ilustrada Infantil – Editora Geográfica – Edição 2000.

·         Histórias Bíblicas para Adoração Infantil

 

 

Colaboração para Portal Escola Dominical – Profª. Jaciara da Silva

 

 

 

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 11 – SIRVO A UM DEUS BOM

 

 

Texto Bíblico: João 6.1-13

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus quer que fazemos algo para ajudar a outras pessoas, pois é através de nós que as pessoas podem ser ajudadas.

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 10 – SIRVO A UM DEUS QUE ME SALVA

 

 

Texto Bíblico: Lucas 19.1-10

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus tudo executou para que sejamos salvos.

 

 

Frase do dia...

EU SIRVO A DEUS PORQUE ELE ME SALVA

 

 

Memória em ação

“Vocês têm essa alegria porque estão recebendo a sua salvação, que é o resultado da fé que possuem.” (1 Pe 1.9 - NTLH)

 

Leia várias vezes este versículo com os pequenos, isso auxiliará na memorização.

 

 

Explorando a Bíblia

Zaqueu era um chefe dos publicanos, um judeu que cobrava imposto para o governo romano. Era desprezado por trabalhar para um dominador estrangeiro e por ser geralmente desonesto.


Zaqueu morava em Jericó, cidade situada 9km a oeste do rio Jordão e 11km ao norte do mar Morto.

É provavelmente a cidade mais antiga do mundo.
Zaqueu tinha comportamento desonesto, ele agiu como um impuro. Nós também somos como Zaqueu. A Bíblia diz que Deus nos fez a sua imagem e semelhança (Gn.1.26), entretanto nos comportamos como não fôssemos.

No verso 3 do nosso texto principal diz que Zaqueu procurava ver Jesus, mas não conseguia, por causa da sua pequenez e da grande multidão que o cercava. Assim tem sido com muitas pessoas também. Tentam se aproximar de Jesus, mas os seus pecados o impedem. Acham-se imperfeitos de mais para se aproximarem de Deus por isso desistem de ser discípulos de Jesus.

No verso 4 do nosso texto principal diz que Zaqueu correu adiante e subiu naquela figueira para poder ver Jesus. O sicômoro citado no texto é um tipo de figueira de raízes profundas e galhos fortes que produz figos de qualidade inferior. Zaqueu precisou subir nela para poder ver Jesus, devido a sua pequena estatura e por causa da multidão que cercava Jesus.

 

Não podemos confiar em nós mesmos, não podemos presumir que seremos perfeitos algum dia para podermos nos aproximar de Deus. A Bíblia nos diz que todos nós somos pecadores (Rm.3.23), e nos diz também que por meio de nossas obras não seremos salvos (Ef.2.8,9). Devemos fazer como Zaqueu, ele superou as suas dificuldades para poder ver Jesus. Supere seus traumas, seus pecados, seus problemas e venha para Jesus. Não espere que eles sejam resolvidos ou desaparecerem. A Bíblia nos diz que sem Jesus não podemos fazer nada (Jo.15.5).

Zaqueu foi recebido por Jesus. Todos os que estavam próximo da árvore que Zaqueu havia subido esperavam que Jesus viesse recriminá-lo por causa de suas trapaças. Entretanto no verso 5 do texto principal Jesus se convida para jantar em sua casa. Nós não merecemos nem o perdão e nem a presença de Deus. Mas quando nos aproximamos diante Dele de maneira sincera Ele nos acolhe.

A Bíblia cita um convite pessoal de Jesus para todos nós, semelhante ao que ele fez a Zaqueu:

 “Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo”.(Ap.3.20)

 

 

 

Fontes Consultadas:

·         Bíblia NTLH - SBB

·         Curso para Professor de EBD - Faculdade de Teologia e Ciências Humanas IBETEL – Pr. Vicente de Paula Leite

·         53 Histórias de Jesus – Geográfica Editora

·         Bíblia Ilustrada Infantil – Editora Geográfica – Edição 2000.

·         Histórias Bíblicas para Adoração Infantil

 

 

Colaboração para Portal Escola Dominical – Profª. Jaciara da Silva

 

 

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 9 – SIRVO A UM DEUS QUE ME DÁ FORÇA

 

 

Texto Bíblico: Neemias 2.1-20;6.15,16

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus nos auxilia nas mais difíceis tarefas que temos de fazer. Ele sempre está conosco para nos ajudar.

 

 

Frase do dia...

DEUS ME CONCEDE FORÇAS PARA SERVI-LO

 

Memória em ação

“... A alegria que o SENHOR dá fará com que vocês fiquem fortes.”  (Ne 8.10 - NTLH)

 

Leia várias vezes este versículo com os pequenos, isso auxiliará na memorização.

 

 

Explorando a Bíblia

Hoje vamos falar de um homem muito legal. A história dele está na Bíblia, mas é muito raro a gente ouvir falar dele! Mas ele fez algo muito importante. Ele reconstruiu as muralhas de segurança da cidade de Jerusalém. Vocês se lembram de Jerusalém, a cidade que Jesus encerrou o seu ministério de evangelização?

 

O nome do homem que também ajudou a reconstruir aquela cidade, bem antes de Jesus nascer, é Ne-e-mias! Ne-e-mias! Isso mesmo! Neemias. Quem conhece Neemias aí levanta a mão!

Pois agora eu gostaria que vocês prestassem atenção. Neemias significa “Deus Consola”. Agora quero ver se tem alguém esperto aí na sala! Vocês sabem quem é o consolador que está entre nós? Isso mesmo. O Espírito Santo. E o nome Neemias significa justamente que Deus consola. Ele era copeiro do Rei.

 

Copeiro do rei é o que serve o vinho do rei, e bebe o vinho para ver se ele está com veneno par depois dar para o Rei. E o Rei da Babilônia que Neemias servia se chamava Artaxerxes!  Esse Rei viu o Neemias muito triste, e perguntou para o Neemias por que ele estava tão triste, se ele não estava doente. Neemias respondeu que lá na sua terra chamada Jerusalém havia muitas coisas ruins. As pessoas não cultuavam Deus como antes e nem prosperavam. É claro que, antes deles, foram outras pessoas de bem lá em Jerusalém para restaurar. Esdras, Zorobabel e Jesua, que troxeram de volta o povo de Israel no cativeiro da Babilônia, que foi onde Deus deixou o povo de Israel de castigo. Mas ainda tinha mais um monte de coisa para restaurar.

 

E olha que Neemias vivia muito bem lá junto com o rei persa Artaxerxes, o rei da Babilônia que era o poderoso daquela época. Neemias era uma espécie de funcionário público que ganhava muito dinheiro. Mas ele não ligou para dinheiro nem para posição! Ele quis mesmo era restaurar o lugar de culto para Deus e deixar aquela cidade bem bonita. E ele na hora que o rei Artaxerxes perguntou o porquê de ele está triste, na cabeça do Neemias já estava tudo preparado. Todos os cálculos sobre a construção estavam planejados. Tem gente que não calcula nada antes, e faz tudo relaxadamente. Sabe quando a gente faz o dever de qualquer maneira? Então.

 

Mas Neemias não era assim! Ele planejou tudo antes de falar com o Rei, pois ele tinha a plena certeza que o Rei iria deixar ele ir à sua terra para reconstruí-la. E dizem que enquanto ele servia o vinho no copo do rei, antes de falar que queria voltar para Jerusalém ele orava. Quem ora antes de fazer qualquer coisa aí? Ah bom! Vocês têm mesmo que orar! Qualquer coisa sai melhor se a agente ora antes de fazer. É claro que vocês têm que estudar, mas é sempre bom orar antes das provas. Imagina se o papai e a mamãe de vocês não orassem antes de casar para saber se ela seria pessoa certa. Eles iam ter um encravo dentro de casa chateando vocês o tempo todo. Mas ainda bem que não é o caso de vocês, né, meus amiguinhos, pois eu sei que os pais de vocês oram sempre. Bom, e aí, Neemias voltou para sua terra, e viu que Jerusalém estava toda destruída. Por alguns lugares ele nem conseguia passar com seu cavalo. Ele ficou muito triste, mas não desanimou. Ele foi em frente! Chamou pessoas que queriam ajudá-lo e pôs as mãos na massa.

 

Não, ele não foi comer pizza não! Por mãos na massa quer dizer que ele começou a trabalhar. Só que havia uns três homens que eram muito poderosos e gostavam de atrapalhar a reconstrução de Jerusalém. O nome deles era Tobias, Sambalate e Gesém. Eles eram governantes das terras que cercavam Jerusalém. Vocês devem ter ouvido falar de Sambalate! É, quando alguém está querendo realizar algum projeto e acha que tem algumas pessoas com inveja, colocam culpa de o projeto não se realizar. E esses três, Tobias, Sambalate e Gesém, além de não ajudarem, ainda ficavam mandando umas piadinhas para atrapalhar a construção. Sabe quando a gente quer construir um novo templo e um monte de gente fica falando mal porque não gosta de ver a obra de Deus crescer. Então, foi assim que aconteceu lá naquela época de Neemias. Enquanto ele construía, esses três atrapalhavam, a ponto de um dia mandarem ameaçar todo mundo e até subornou algumas pessoas.

 

Neemias, com muita coragem e criatividade, não fugiu e ainda colocou armas nas mãos do povo de Jerusalém que ajudavam na construção Eles trabalhavam com uma pá na mão e uma arma na outra mão, caso tivessem que se defender. Sabe quando vocês estudaram e, além de ter que prestar atenção na prova, vocês têm que proteger com a mão a prova para o coleguinha que não estudou não colar. Foi a mesma coisa. Algumas pessoas podem achar que usar armas é errado mas em casa da defesa da nação a gente pode usar armas. Neemias também animava o povo dizendo que o êxito da obra viria de Deus. É claro que muita gente ajudou: dois governadores importantes, os sacerdotes, que foram os primeiros a colocar a mão na massa, e mais um montão de gente. Só um pessoal rico de uma cidade chamada Tecoa que ficou de braços cruzados sem ajudar. Mas nem todo mundo nos ajuda quando a gente precisa, não é?

 

Neemias contou com a ajuda mais importante que era ajuda de Deus! Deus nunca abandonou Neemias nessa grande obra. E Neemias não fazia nada antes de orar. Ele reconstruiu tudinho, tudinho, e voltou para a terra onde ele trabalhava, onde o povo de Israel estava cativo. E depois, ele voltou de novo para Jerusalém. Vocês sabiam que o povo estava tão desacostumado a fazer a vontade de Deus que fez um quarto no pátio da Casa de Deus para Tobias. É, aquele Tobias que falava mal da construção, e fazia tudo para atrapalhar, ia ficar no bem bom depois que a obra ficou pronta. Em todo lugar é assim. Todo mundo reclama da sujeira e do trabalho da construção, mas quando a obra fica pronta, todo mundo quer aproveitar, tirar foto, falar que foi o primeiro a dar força. Geralmente acontece isso na construção de igrejas, como o Templo de Jerusalém da época de Neemias.

 

Mas não foi só isso que aconteceu não. Ele e Esdras, o amigo dele, disseram que o povo estava caindo em pecado por ter se misturado com mulheres de outros povos, às vezes por questões políticas. Ué, vocês não sabem o que é política. Ih, é uma coisa que os adultos complicam tanto... Bom, vou explicar mais ou menos para vocês. Se vocês quiserem um favor para um amiguinho de vocês, peçam sem oferecer nada em troca. Isso é uma boa política. Às vezes a gente tem que pedir mesmo, pois nós precisamos um dos outros. Mas se vocês oferecerem alguma coisa em troca, vocês vão estar fazendo politicagem. E os homens adultos estragam a política fazendo politicagem. Sabe aquele homem mau chamado Sambalate.

Ele estava no meio do povo de Jerusalém, atrapalhando a obra e fazendo aquelas maldades porque casou a filha dela com o sacerdote Eliasibe, que era o líder religioso daquela época.

 

Bom, Neemias reformou aquilo que estava errado em sua terra, mas era necessária uma reforma constante, feita o tempo todo, pois a sociedade é feita de homens falhos e precisa o tempo todo de reforma.. Foi assim que Neemias fez. Reformava um pouco aqui, e o povo errava lá. Aí, Neemias reformava lá, e o povo errava acolá, mas Neemias nunca desanimou e sempre reformou. Ele foi uma pessoa usada por Deus para nos mostrar que nunca devemos desistir.

Quem gostaria de ajudar as pessoas a prestar o culto certo a Deus?

 

 

Fontes Consultadas:

·         Bíblia NTLH - SBB

·         Curso para Professor de EBD - Faculdade de Teologia e Ciências Humanas IBETEL – Pr. Vicente de Paula Leite

·         53 Histórias de Jesus – Geográfica Editora

·         Bíblia Ilustrada Infantil – Editora Geográfica – Edição 2000.

·         Histórias Bíblicas para Adoração Infantil

 

 

Colaboração para Portal Escola Dominical – Profª. Jaciara da Silva 

 

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 8 – SIRVO A DEUS COM ALEGRIA

 

 

Texto Bíblico: 1 Samuel 16.14-23

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus se agrada quando o louvamos com todo o nosso ser.

 

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 7 – SIRVO A UM DEUS QUE CURA

 

 

Texto Bíblico: 2 Re 5.1-14

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que deus é o SENHOR de todas as coisas. Ele nos cura de todas as doenças.

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 6 – SIRVO A UM DEUS QUE CUIDA DE MIM

 

 

Texto Bíblico: 1 Reis 4.1-7

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus nos ama e cuida de nós, Ele sempre nos protege do mal.

 

 

Frase do dia...

EU SIRVO A DEUS, ELE SEMPE CUIDA DE MIM

 

Enfatize aos pequenos que a cada dia vemos manifestação do amor de DEUS por cada um de nós.
Deus cuida de nós, Ele cuida de nossa. Ele cuida de nossas alegrias, tristezas, sonhos e vitórias. Ele quer acompanhar cada passo que damos orientando-nos a seguir pelos caminhos certos

 

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

LIÇÃO 5 – SIRVO À UM DEUS QUE OUVE MINHA ORAÇÃO

 

 

Texto Bíblico: 1 Reis 17.1; 18.1,2,17-39

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que Deus sabe todas as coisas e está ao mesmo tempo em todos os lugares, assim Ele sempre nos ouve, sempre está conosco, onde quer que estejamos.

 

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

PRIMÁRIOS – CPAD
4º Trimestre de 2014
Tema: A alegria de servir a Deus
Comentaristas: Midian Pessoa e Laudicéia Barboza

 

 

LIÇÃO 4 – SIRVO A UM DEUS QUE ME DÁ AMIGOS!

 

 

Texto Bíblico: Rute 1.1-16;2.1-4

 

 

Objetivo
Ministre sua aula de forma a conduzir os pequenos a conscientizar-se de que através da amizade podemos demonstrar o amor de Deus em nós.

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>
Página 1 de 14