Get Adobe Flash player
Qua, 02 de Maio de 2012 17:55

2º Trim. 2012 - JARDIM DE INFÂNCIA - Lição 6: Gosto de ir à Igreja

Escrito por  Prof. Jair César S. Oliveira
Dar nota para esse item
(6 votos)

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

JARDIM DE INFANCIA – CPAD
2º Trimestre de 2012
Tema: Eu gosto da Igreja
Comentaristas: Verônica de Oliveira Araujo & Marta Doretto

 

LIÇÃO 6 -  GOSTO DE IR A IGREJA

 

Texto bíblico    Sl 122.1-9
Alegrei-me quando me disseram: Vamos à casa do Senhor.
Os nossos pés estão parados dentro das tuas portas, ó Jerusalém!
Jerusalém, que és edificada como uma cidade compacta,
aonde sobem as tribos, as tribos do Senhor, como testemunho para Israel, a fim de darem graças ao nome do Senhor.
Pois ali estão postos os tronos de julgamento, os tronos da casa de Davi.
Orai pela paz de Jerusalém; prosperem aqueles que te amam.
Haja paz dentro de teus muros, e prosperidade dentro dos teus palácios.
Por causa dos meus irmãos e amigos, direi: Haja paz dentro de ti.
Por causa da casa do Senhor, nosso Deus, buscarei o teu bem.

Objetivo
Após a aula aluno deverá: ser conscientizado de como é importante
                                           ir a igreja, e com alegria.

 

A Palavra é  Alegria
Segundo o dicionário alegria é:
Forte impressão de prazer causada pela posse de um bem real ou imaginário: pular de alegria. Júbilo, contentamento, gáudio.  Tudo que alegra e contenta: os filhos são a alegria dos pais. Sucesso feliz.  Festa, divertimento.

 

Aprendendo com a Bíblia
Definição: ALEGRIA pode subentender qualquer grau de bem-estar, desde o simples contentamento ou ausência de tristeza, até a experiência mais intensa de alegria ou realização.

ALEGRIA do ponto de vista bíblico: É um sentimento mais profundo do que a dor ou prazer, não é limitada pelas circunstâncias externas nem vinculadas exclusivamente a elas. A ALEGRIA É UM DOM DE DEUS.
 Tanto no Antigo Testamento como no Novo, a alegria é apresentada como uma marca que consiste no indivíduo e na comunidade cristã. É uma qualidade de vida, e não simplesmente uma emoção passageira. A alegria não é uma conseqüência isolada ou ocasional da fé, é uma parte integrante do relacionamento que a pessoa tem com Deus. A plenitude da alegria vem quando há um sentimento profundo da presença de Deus.

 

Quais os valores que trazem consigo o contentamento e a alegria? 

  1. A alegria vem àqueles a que são perdoados os pecados: As pessoas podem tocar tambores, cantar e dançar, mas se seus corações estiverem vazios sua alegria não será permanente.  A alegria verdadeira tornar-se uma possibilidade real somente quando o homem tem um relacionamento apropriado com Deus.(Lc 10: 20). A alegria é resultado final de nossa salvação, é a manifestação exterior de um bem-estar íntimo.
  2. A alegria vem àqueles que aprendem como se relacionar com outras pessoas: Pode ser dito que um indivíduo é rico ou pobre de acordo com a qualidade de seus relacionamentos pessoais. A fé cristã sempre foi relacional, Deus se relaciona conosco pela graça mediante a fé, e nos capacita a nos relacionarmos uns com os outros, em amor.

 

  1. A alegria vem àqueles que possuem verdadeira sabedoria: O indivíduo que possui uma verdadeira sabedoria refletirá um equilíbrio sadio em sua vida (Fl 4:5-9). Tal equilíbrio inclui uma profunda aceitação de si mesmo, dos outros e da vida (12). O indivíduo sábio não se dedica a questões superficiais, nem periféricas, a sua vida é uma vida de fé, admiração, gratidão e esperança.

 

Historia Bíblica
Prezado (a) como a revista mestre já traz historias, irei me ater a informações para sua aula.
Davi amava a Deus e amava estar em Sua Casa, ou seja na Igreja.
O salmo, breve, mas vivo, é intitulado "Cântico de peregrinação davídico", e assim somos informados de seu autor e da ocasião para a qual foi planejado: Davi o escreveu para as pessoas cantarem a caminho das festas santas na Igreja em Jerusalém. É o terceiro da série, e parece apropriado para se cantar quando as pessoas já estiverem adentrado as portas, e seus pés estiverem dentro da cidade. Era muito natural que cantassem sobre a própria Jerusalém, e invocassem paz e prosperidade para a Cidade Santa, pois ela era o centro de seu culto, e o lugar onde o Senhor se revelava acima do propiciatório. Uma voz dirigia o salmo na primeira pessoa do singular, mas dez mil irmãos e companheiros se uniam ao primeiro músico e expandiam o coro da melodia.

Vemos neste salmo que Davi se alegrava em ir à casa do Senhor. Era a casa de Deus, portanto ele desejava ir. Ele a preferia à própria casa.
Alegrava-se quando outros lhe diziam: "Vamos". A distância podia ser grande, as condições do tempo, adversas, mas assim mesmo, "Vamos".
Sentia prazer em dizer a outros, "Vamos", e a persuadir outros a acompanharem-no

Prezado enfatize aos pequenos que o cristão fiel, que tem prazer em ser convidado à casa de Deus. A igreja é edificada em conjunto. Ali ele encontraria um descanso estável. Ele não tem paciência com ciganos religiosos, nem com pessoas que não têm igreja.

 

 

Fontes consultadas:
http://www.ibfvilamaria.com.br/index.php?

 

Atividade

  1. Una os pontos e pinte  : A casa de Deus
    Jd_2trim2011_L6_ fig 1.jpg ( faça o download da figura em anexo)
  1. Uma os pontos e pinte: a harpa de Davi

 

Jd_2trim2011_L6_ fig 2.jpg ( faça o download da figura em anexo)

 

Colaboração para Portal Escola Dominical – Prof. Jair César S. Oliveira